O presidente da Turquia vai realizar uma visita oficial à América Latina

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, irá visitar o Vaticano no dia 5 de fevereiro, como convidado do Papa Francisco.

A imprensa turca confirmou feito com que, à parte das relações bilaterais, o assunto de Jerusalém e o conflito sírio liderarão também a agenda de assuntos que Erdogan tratará com os chefes de Estado latino-americanos. A visita de Erdogan ao Vaticano será a primeira, em 59 anos, de um presidente turco ao estado sede da Igreja Católica.

As relações entre a Turquia e o Vaticano têm registado momentos delicados, em particular após o papa Francisco ter referido, numa missa celebrada no Vaticano em abril de 2015, que a perseguição e matança de arménios pelas forças otomanas no decurso da I Guerra Mundial foi "o primeiro genocídio do século XX".

Em 29 de dezembro, Erdogan manteve uma conversa telefónica com Francisco para partilhar a preocupação sobre o estatuto de Jerusalém, após o Presidente dos EUA Donald Trump ter reconhecido a cidade como capital de Israel.

Depois do Vaticano, o presidente turco segue depois para a América Latina, onde deverá visitar a Venezuela, o Brasil e o Paraguai.

Notícias recomendadas

We are pleased to provide this opportunity to share information, experiences and observations about what's in the news.
Some of the comments may be reprinted elsewhere in the site or in the newspaper.
Thank you for taking the time to offer your thoughts.